Conheça os vidros mais usados em esquadrias e saiba como escolher
Dependendo do cômodo em que você vai colocar a esquadria, o vidro é muito usado ou ainda
uma esquadria de correr que tenha uma ou mais folhas com vidros.
O vidro é usado principalmente em janelas de banheiro, de quarto e até portas de varanda.
Porém existem vários tipos de vidro e tratamentos, que são indicados dependendo da
esquadria e do local em que ela será instalada. Na janela de um banheiro, por exemplo, não é
legal que o vidro seja incolor e transparente.

 

Como escolher o vidro certo para minha esquadria?
O vidro mais indicado para sua esquadria depende de diversos fatores, como o tamanho da
peça, onde a esquadria será instalada e qual é a linha usada para montar a esquadria (ex.: na
linha suprema é possível colocar vidros de até 6mm de espessura, enquanto na gold é
possível colocar vidros de 8mm).
Em uma porta grande e que vai na parte externa da casa, por exemplo, o mais indicado é um
vidro temperado de uma espessura maior pois ele é mais resistente.
Outro exemplo é a indicação de um vidro opaco na janela de um banheiro, pois ele impede
que se veja através dele.
Os tipos de vidro e suas características
Os vidro mais utilizados no mercado são o temperado, o laminado, o comum e o miniboreal.
Listamos abaixo as principais características.
O vidro Temperado é lapidado e passado na tempera, o que o torna mais resistente exceto nas
pontas que são mais frágeis e passíveis de quebra. É um vidro que estoura quando quebra,
por isso tome muito cuidado. As espessuras mais comuns são de 6mm, 8mm e 10mm. Ele é
muito usado e indicado para peças grandes e/ou que vão no exterior da casa.
O Miniboreal é mais usado em banheiro porque ele é fosco. É usado em peças pequenas pois
a espessura mais comum é de 4mm, o que o torna mais frágil.
Já o Laminado são dois vidros colados com uma película de entre eles (essa película pode ser
colorida, jateada, incolor ou ainda com uma face espelhada). Quando o vidro quebra, a
película impede que ele estoure e caiam cacos, fazendo com que ele fique como se tivesse
craquelado. As espessuras mais usadas são a de 3+3 (um vidro de 3mm + película + outro
vidro de 3mm) e a de 4+4 (um vidro de 4mm + película + outros vidro de 4mm). É muito
indicado para estruturas que ficam no tempo.
Os vidros chamados de comum, também conhecido como float não passam por nenhum
tratamento. Pode ser apenas cortado ou lapidado (com as bordas arredondadas para tirar o
corte, ou seja, diminuem as chances das bordas cortarem). Espessuras mais comuns são de
4mm e 6mm.
É interessante explicar que podemos mandar os vidros float, miniboreal e laminado para a
tempera, assim esses vidros também serão temperados e terão a mesma característica de ser
mais difícil de quebrar.
Quer saber mais sobre as esquadrias de alumínio, acompanhe nossas redes sociais e nosso
blog.
E entre em contato com a JJ Calhas e Esquadrias de Alumínio através do nosso site
www.jjcalhas.com.br e peça o seu orçamento.

Você conhece os tipos de vidros que vão nas esquadrias?